Política

Governo de Goiás lança aplicativo Rodopontes e projetos rodoviários para aprimorar malha viária do Estado

Class News

A ideia é agilizar processos de manutenção e conservação das vias. Comprometimento da infraestrutura das estradas pode encarecer o frete em até 50%

O vice-governador Lincoln Tejota, representando o governador Ronaldo Caiado, assinou contratos de projetos entre o Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), e o Fundo para Desenvolvimento da Pecuária em Goiás (Fundepec-GO), voltados à construção e reconstrução de nove rodovias e cinco pontes no Estado. A cerimônia aconteceu na sede da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), na tarde da última segunda-feira (18), e contou com as presenças dos presidentes da entidade e deputado federal, José Mário Schreiner, e do secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SEAPA), Antônio Carlos Neto.

Também prestigiaram o evento os presidentes da Goinfra, Pedro Sales, da Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), Eurico Velasco, e do Fundepec-GO, Antônio Flávio Camilo de Lima, o vice-presidente da Agehab, Luiz Sampaio, o superintendente do Senar, Dirceu Borges, além de representantes de construtoras, sindicatos, associações, empresários e prefeitos.

A parceria – que ocorre em resposta às demandas dos produtores rurais quanto às rodovias e pontes – viabilizou cerca de R$ 5 milhões para a contração de projetos de execução de obras para a melhoria da malha viária estadual. Maior parte do recurso, cerca de 95%, será destinada a projetos de construção e reconstrução de quase 400 quilômetros de rodovias. O restante será empregado na elaboração de projetos de pontes, totalizando aproximadamente 150 metros. “Os projetos serão doados à Goinfra, com foco na celeridade dos processos de execução das obras”, comenta o vice-governador.

Plataforma interativa

O evento também marcou o lançamento do aplicativo RodoPontes, que vai repassar à Faeg dados sobre as condições de uso de pontes e estradas de Goiás. A plataforma – disponível para os sistemas Android e IOS – não só facilita o trabalho de motoristas que escoam a produção agropecuária goiana como serve de ferramenta de monitoramento para que o poder público execute melhorias na malha viária no menor prazo possível.

“O interessante desse projeto é que ele permite que a população assuma uma função fiscalizadora das rodovias, estradas e pontes estaduais. Os usuários podem, por exemplo, descrever problemas na infraestrutura de determinados trechos, com o envio de fotos e da localização exata”, explicou Lincoln Tejota, lembrando que o esforço do setor produtivo é para reduzir aproximadamente 50% do tempo necessário para execução de obras que vão garantir melhor trafegabilidade.

Schreiner lembrou que a ação otimiza o escoamento da produção e, consequentemente, diminui os prejuízos financeiros aos agropecuaristas, pois é um meio de proteger safras como a de 2019, que registrou produção recorde de quase 25 milhões de toneladas de grãos, 800 mil toneladas de carne bovina e 2,7 bilhões de litros de leite. “Índices tão expressivos podem ser comprometidos pelas condições de algumas estradas, que encarecem o frete em até 50%, para repor gastos com desgastes de veículos, atrasos e perdas no transporte de cargas”, estimou.​

Delson Carlos

Delson Carlos, Assessor de imprensa,Profissional de Marketing , colunista social, passou pelo: Jornal A Hora, Jornal da Imprensa, Jornal Diário do Estado de Goiás . Há 10 anos, escreve a coluna social Paparazzi, do Jornal Diário de Aparecida. Editor da Revista Class. formando em Marketing e pós-graduado em Marketing digital. Estudioso das redes sociais.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *