Class News
Foto: Taynara Borges

Projeto que teve início em março e suspendido por conta da necessidade de isolamento social devido à pandemia do Covid-19 será retomado com atividades online

O Projeto Arte na Contramão, que conta com apoio do Fundo de Arte e Cultura de Goiás e teve sua estreia em março, volta a oferecer espetáculos e saraus para o público no mês de abril, desta vez, online. Respeitando a necessidade de isolamento social para enfrentarmos a pandemia da Covid-19, o projeto terá prosseguimento adaptando suas atividades para apresentações através de lives na página da Cia Arte na Contramão no  Facebook. Nos dias 11 e 25 de abril, sábado, haverá “Sarau na Lua” às 20 horas e no dia 12 de abril, domingo de páscoa, apresentação do espetáculo “Minha Vida de Palhaço” às 18 horas. Para assistir, os interessados devem acessar à página no horário das apresentações. Aqueles que quiserem se apresentar no sarau podem escrever diretamente para Lua Barreto via whatsapp através do número: 62 9 8121 9169.

O projeto da Cia Corpo na Contramão prevê mais seis apresentações de espetáculos, saraus e oficinas que devem acontecer até o final do ano. Parte das atividades será realizada somente quando o isolamento social chegar ao fim, mas o grupo viu a necessidade de adaptar algumas delas em tempos de confinamento. “As pessoas estão precisando se encontrar. Já que não é possível fisicamente, queremos proporcionar o espaço virtual”, comenta Lua Barreto, coordenadora do projeto.

Lua explica que o grupo aderiu ao edital do governo “Cultura em Casa” para que pudesse realizar essas atividades no meio virtual e foram motivados por uma experiência anterior. No dia 21 de março, assim que o isolamento social se tornou realidade dos goianos, eles realizaram um sarau online. A experiência foi um grande sucesso, com intervenção artística de mais de 35 pessoas, o que motivou o grupo a fazer transição de parte do projeto para o meio virtual. “Estamos vendo o quanto a arte é necessária em nossa vida. O mundo inteiro está preso em casa e o que nos mantém vivos e nos impedindo de enlouquecer é a arte, a cultura. É o que nos permite enxergar um mundo além das paredes que nos prendem nesse momento”, comenta Lua.

Marcelo Marques, que atua em “Minha Vida de Palhaço”, também pontua a importância de levar arte às pessoas nesse período de quarentena como forma de salvar vidas. “Estamos vendo na imprensa a preocupação de psicólogos e psiquiatras com o aumento do nível de depressão e crises de ansiedade causado por todo esse isolamento. A arte é a válvula de escape, um momento de reconexão com nossas humanidades”, diz Marcelo que também indica a importância da continuidade dessas atividades como forma de manter uma fonte mínima de renda dos artistas e profissionais da arte.

O espetáculo que traz risadas ao público chega nas redes em um domingo de páscoa. “Minha Vida de Palhaço” quer chegar com a leveza do Mocotó para fazer a família sorrir, se emocionar e se divertir neste Domingo de Páscoa, para que todos se sintam abraçados e acolhidos com uma boa dose de risadas e trapalhadas”, comenta o ator.

O projeto 

O projeto é realizado pela Cia Corpo na Contramão, que há mais de 25 anos pesquisa o circo a partir da sua relação com outras linguagens artísticas, como o teatro, a dança e a música. Estas pesquisas resultaram no trabalho de formação que o grupo realiza através de oficinas e na produção dos espetáculos que circulam todo o país. Há mais de 10 anos o grupo conta com seu próprio espaço, Esparta Arte e Cultura, onde realiza saraus e ensaios e agora está com portas abertas para esse novo projeto.

Saraus 

O “Sarau na Lua” já existe há mais de três anos, reunindo artistas de diversas áreas. Essa diversidade faz deste evento um espaço de experimentação e troca de experiências. O público que estará em casa pode não apenas assistir às performances, como também se apresentar. “Todos podem participar, seja lendo um poema, cantando ou recitando suas próprias poesias”, comenta Lua Barreto.

Espetáculo

O palhaço Mocotó conta como, quando ainda era um menino, se apaixonou por uma trapezista e fugiu com o circo. Enquanto narra a sua história, vários personagens vão surgindo diante do espectador. Todos eles são vividos pelo ator Marcelo Marques. A deliciosa história de um menino comum que cresceu no circo e se tornou um grande artista. Um mundo lírico vai sendo desenhado, com as histórias que povoam o universo circense. A criança que foge com o circo e vai ser tratador dos elefantes, vira um ajudante de mágico muito atrapalhado e, pelas mãos de um velho mestre palhaço, aprende o segredo de como ser um verdadeiro artista. Dirigido por Lua Barreto, o espetáculo tem Marcelo Marques no elenco e Reginaldo Mesquita na trilha sonora.

Serviço: Projeto Arte na Contramão apresenta “Minha Vida de Palhaço” e “Sarau na Lua” através de lives

Espetáculo: “Minha Vida de Palhaço”, com Cia Corpo na Contramão

Acesso: Página da Cia na Contramão no Facebook

Data: 12 de abril, domingo

Horário: 18 horas

Sarau na Lua 

Acesso: Página da Cia na Contramão no Facebook

Data: 11 e 25 de abril, sábado

Horário: 20 horas

Interessados em se apresentar no sarau entrar em contato com Lua Barreto através do whatsapp: 62 9 8121 9169.