Viagem

Um museu ao ar livre

 

Um passeio que você ainda não fez! Um lugar para você ir com muito tempo! Quanto menor for o seu conhecimento prévio das obras e galerias, maior será o seu encantamento e sua surpresa. Este é o Instituto Inhotim sede de um dos mais importantes acervos de arte contemporânea do Brasil e considerado o maior centro de arte ao ar livre da América Latina. Este paraíso está localizado em Brumadinho no Estado de Minas Gerais, uma cidade com 30 mil habitantes, a apenas 60 km de Belo Horizonte.

De acordo com os moradores de Brumadinho, o local foi uma fazenda pertencente a um inglês, de nome Timothy – o “Senhor Tim”, que, na linguagem local, acabou virando “Nhô Tim” ou “Inhô Tim”. O museu começou a ser idealizado pelo empresário mineiro Bernardo de Mello Paz por meados da década de 1980. A propriedade privada se transformou com o tempo, tornando-se um lugar singular, com um dos mais relevantes acervos de arte contemporânea do mundo e uma coleção botânica que reúne espécies raras e de todos os continentes. Os acervos são mobilizados para o desenvolvimento de atividades educativas e sociais para públicos de faixas etárias distintas. O Inhotim, uma Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público), tem construído ainda diversas áreas de interlocução com a comunidade de seu entorno. Com atuação multidisciplinar, o Inhotim se consolida, a cada dia, como um agente propulsor do desenvolvimento humano sustentável.

O lugar abriga um complexo museológico com uma série de pavilhões e galerias com obras de arte e esculturas expostas ao ar livre. Inhotim é a única instituição brasileira que exibe continuamente um acervo de excelência internacional de arte contemporânea.

Graças a uma série de contextos específicos, Inhotim oferece um novo modelo distante daquele dos museus urbanos. A experiência está associada ao desenvolvimento de uma relação entre arte e natureza, que possibilita aos artistas criarem e exibirem suas obras em condições únicas. O espectador é convidado a percorrer jardins, paisagens de florestas e ambientes rurais, perdendo-se entre lagos, trilhas, montanhas e vales, estabelecendo uma vivência ativa do espaço.Novos projetos são inaugurados periodicamente, incluindo obras criadas site-specific para o local e recortes monográficos e temáticos do acervo, fazendo do Inhotim um lugar em contínua transformação.

Os jardins do Inhotim são singulares, com uma beleza rara e um paisagismo que explora todas as possibilidades estéticas da coleção botânica. Para além da contemplação, os jardins são campo para estudos florísticos, catalogação de novas espécies botânicas, conservação in situ (seu ambiente) e ex situ (fora de seu ambiente) e ações de educação ambiental. Em 2010, o Instituto Inhotim recebeu a chancela de Jardim Botânico, atribuída pela Comissão Nacional de Jardins Botânicos (CNJB), e, desde então, integra a Rede Brasileira de Jardins Botânicos (RNJB).

O museu a céu aberto recebe pessoas de diversas faixas etárias, das mais diferentes formações acadêmicas e de todas as partes do mundo. O público desfruta de uma experiência realmente única. A beleza extraordinária dos jardins desperta a atenção já na entrada do parque e, na sequência, as pessoas se surpreendem e interagem com as obras de arte contemporâneas expostas nos jardins ou nas dezenas de galerias. O estreito diálogo entre os dois acervos – arte e botânica – proporciona ao público em geral um lugar convidativo à fruição estética, à produção de conhecimento e ao desenvolvimento humano em todas as suas dimensões. Com certeza uma experiência única que além de deixar o visitante fascinado irá despertar a vontade de voltar.

Serviço:

Endereço: Rua B, 20 – Centro, Brumadinho – MG, 35460-000

Telefone: (31) 3571-9700

Site: http://www.inhotim.org.br/

Horário de funcionamento do parque: Terça a sexta-feira: 9h30 às 16h30h
Sábado, domingo e feriado: 9h30 às 17h30h

Onde se Hospedar:

Estalagem do Mirante +55 31 3575 5061

Estrada Real Palace Hotel +55 31 3571 3521

 

 

 

 

 

 

 

Delson Carlos

Delson Carlos, Assessor de imprensa,Profissional de Marketing , colunista social, passou pelo: Jornal A Hora, Jornal da Imprensa, Jornal Diário do Estado de Goiás . Há 10 anos, escreve a coluna social Paparazzi, do Jornal Diário de Aparecida. Editor da Revista Class. formando em Marketing e pós-graduado em Marketing digital. Estudioso das redes sociais.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *